Procurando algo? Digite aqui!

Carregando...

MANDIOCA ASSADA

 

Olá amigos, bom dia!

Se tem uma coisa que gosto muito é de mandioca (aipim ou macaxeira em outras regiões). Cozida, frita ou assada faz a alegria aqui em casa. Como já faz um bom tempo que estou evitando frituras, então, optei por fazer a mandioca assada. É a primeira vez que faço dessa forma, super aprovei, ficou saborosa, sequinha e o melhor de tudo é que não faz aquela sujeira toda no fogão decorrente da fritura.

Na verdade não chega a ser uma receita, é mais uma dica de como preparar esta iguaria tão apreciada por nós brasileiros. A mandioca é muito versátil, dá pra preparar vários pratos com ela como escondidinhos, bolos, pudins, doces, tortas… Eu gostava mais dela cozida, mas depois que fiz assim assada, virei fã!

Faça assim…

  1. Cozinhe a mandioca em bastante água até ficar macia, escorra e deixe esfriar. Corte no tamanho desejado e tempere com sal a gosto.
  2. Unte uma forma com margarina e disponha as mandiocas.
  3. Leve ao forno preaquecido a 200ºC por 15 minutos. Vire as mandiocas para que assem do outro lado e deixe por mais 15 minutos.
  4. Retire do forno, salpique queijo parmesão ralado e salsa picadinha a gosto.

Dicas da Si:

- Descascar a mandioca não é uma tarefa lá muito fácil, por isso já comprei descascada e cortada para facilitar a vida na cozinha.

- Você poderá cozinhar a mandioca na panela de pressão, mas fique atenta para ela não derreter.

- Eu usei salsa purpurina ao invés da salsa picadinha, sempre tenho aqui em casa, para saber como faz clique AQUI.

 

mandioca assada

 

mandioca assada1

 

Beijos e até a próxima!

flor1

BOLO DE BAUNILHA

 

Bom dia, amigos!

A proposta da comunidade do facebook Quinze dias com… para esta quinzena foi trazermos uma receita da talentosíssima Nigella Lawson! Eu confesso que adorei a ideia, sempre que posso acompanho o programa dela e fico babando nas receitas que ela prepara de forma tão descontraída e descomplicada!

Optei por este bolo de baunilha muito fácil de fazer e que não vai fermento, ele fica parecendo um pudinzinho bem cremoso, fofinho e saboroso, simplesmente adorei!!!

Receita original AQUI.

Ingredientes:

  • 1 copo de iogurte natural
  • 3 ovos (claras e gemas separadas)
  • 2 copos de açúcar (a mesma medida do copo de iogurte)
  • 1 copo de óleo (a mesma medida do copo de iogurte)
  • 1 copo de amido de milho ou fécula de batata (a mesma medida do copo de iogurte)
  • Raspas de meio limão siciliano (não usei)
  • 2 tampinhas de essência de baunilha
  • Açúcar de confeiteiro para polvilhar sobre o bolo

Modo de preparo:

  1. Bata as claras em neve e reserve.
  2. Na batedeira, bata as gemas com o iogurte e o açúcar.
  3. Enquanto estiver batendo, acrescente o óleo, bata mais e adicione o amido de milho deixando bater mais um pouco.
  4. Desligue a batedeira, coloque as raspas do limão siciliano e a baunilha, misture muito bem com uma espátula ou fouet. Acrescente 1/3 das claras em neve e misture vigorosamente. Em seguida, adicione as claras em neve restantes e mexa delicadamente.
  5. Despeje a massa numa forma e asse em forno preaquecido a 180ºC por 20 a 35 minutos.
  6. Depois de assado e frio, desenforme o bolo e polvilhe com o açúcar de confeiteiro.

Dicas da Si:

- Quem acompanha o Vivendo e Aprendendo sabe que não gosto de limão, por isso optei por não usar as rapas de limão siciliano que pede na receita.

- Segundo a Nigella, este é um bolo tipicamente italiano e lá na Itália eles usam a fécula de batata no preparo desta receita, mas ela deu a opção de usarmos o amido de milho e foi o que eu fiz.

- O óleo usei o de milho.

- A Nigella usou uma forma para bolo savarin antiaderente, como eu usei uma forma de alumínio precisei untar e enfarinhar.

- No meu forno levou 35 minutos para ficar pronto.

 

Bolo de baunilha da Nigella

 

Bolo de baunilha da Nigella1

 

Quinze dias com… Nigella Lawson!

 

Nigella Lawson

 

Aproveito para agradecer os leitores do blog Café entre amigos da querida Patricia Galis que votaram no Vivendo e Aprendendo, permitindo assim que, pelo terceiro ano consecutivo, recebêssemos o selo Xícara de Ouro. É uma honra muito grande estar entre os melhores blogs de 2014, nem sei se mereço. Tanta coisa aconteceu neste ano, acontecimentos ruins me fizeram afastar do blog logo no início do ano, fiquei praticamente seis meses sem blogar, mas com a graça de Deus consegui me levantar, retomei a minha vida, retornei ao blog. No momento, o ritmo das postagens diminuíram, mas desta vez por um bom motivo: estou tomando conta da minha afilhadinha Isabella que ontem completou 6 meses. Cuidar de uma criança requer muito tempo e dedicação e por isso não tenho conseguido postar muito e nem visitar os blogs amigos, mas independente de qualquer coisa, blogar é algo que gosto muito e procuro fazer com muito amor e carinho pra todos vocês amigos, leitores, visitantes… sem vocês nada disso seria possível! Muito, muito obrigada, principalmente aos leitores do Café entre amigos que mais uma vez me colocaram entre os melhores, melhores são vocês por me propiciarem esta alegria! Deus os abençoe sempre! ♥

 

Xícara de Ouro_2014

 

Beijos e até a próxima!

bj flor

BISCOITOS DE NATAL

 

Biscoitos de Natal

 

Olá amigos, bom dia!

Eu vou começar este post dizendo: I LOVE Dia Um… na Cozinha! Preparar biscoitos de natal para este desafio foi a maior aventura culinária pela qual passei! Foi a primeira vez que decorei biscoitos com glacê real. Confesso que foi trabalhoso, não tive muita coordenação motora na hora da decoração e apesar dos contratempos em achar os ingredientes, os cortadores com motivos de Natal, da falta de tempo e entre tantas outras coisas, me empenhei ao máximo para trazer pra vocês estes biscoitos  que só posso dizer: valeu muito a pena, foi um aprendizado e tanto!

Os biscoitos, embora não ficaram tão bonitos assim, mas ficaram deliciosos! Eu amei a combinação das especiarias e do gengibre na receita que conferiram um sabor muito especial, virei fã dos gingerbreads! rs

Esta receita foi adaptada DAQUI.

Ingredientes:

  • 200g de margarina sem sal
  • 100g de açúcar refinado
  • 100g de açúcar mascavo
  • 450g de farinha de trigo
  • 2 ovos
  • 1/3 colher (chá) de bicabornato de sódio
  • 4 colheres (sopa) de mel
  • 1 colher (chá) de noz moscada
  • 1/2 colher (chá) de gengibre em pó
  • 1 colher (sopa) de canela em pó
  • 1/4 colher (chá) de cravo em pó

Glacê real caseiro:

  • 250g de açúcar de confeiteiro
  • 1 clara de ovo
  • 1 colher (sopa) de suco de limão
  • Corante em gel nas cores de sua preferência

Modo de fazer:

  1. Na batedeira coloque a margarina com o açúcar refinado e bata até formar um creme fofo e claro.
  2. Adicione os ovos e o açúcar mascavo e volte a bater.
  3. Acrescente o mel e bata mais um pouco.
  4. Com o batedor para massa pesada, adicione todos os temperos e a farinha de trigo aos poucos, finalizando com o bicarbonato de sódio. (Se você não tiver esse tipo de batedor em sua batedeira utilize uma espátula ou uma colher de pau).
  5. Coloque a massa sobre uma superfície enfarinhada, forme uma bola com ela  e cubra totalmente com filme plástico e leve a geladeira por aproximadamente 2 horas.
  6. Após este tempo, abra a massa em uma superfície enfarinhada e utilize cortadores para decorar no formato que desejar.
  7. Disponha os biscoitos em uma forma untada e enfarinhada e leve ao forno preaquecido a 180° por aproximadamente 10 a 15 minutos.
  8. Deixe esfriar totalmente sobre uma grade para depois começar a decoração.
  9. Enquanto isso, prepare o glacê real: bata as claras em neve e adicione o açúcar e o limão, continue batendo até chegar ao ponto firme. Separe o glacê em potinhos para colorir com as cores de sua preferência.
  10. Coloque cada glacê em um saquinho de confeitar e decore os biscoitinhos. Deixe secar em temperatura ambiente e guarde em potes bem fechados para que mantenham a sua qualidade.

Dicas da receita:

- Ao invés de preparar o glacê caseiro, utilize mistura pronta para glacê real, basta bater na batedeira 24 colheres (sopa) da mistura pronta do glacê com 3 colheres (sopa) de água.

- Para facilitar ainda mais, ao invés de decorar os biscoitos com o glacê real, antes de levá-los ao forno decore com confeitos coloridos.

Dicas da Si:

- Eu fiz metade dessa receita e me renderam 60 biscoitinhos.

- Como não achei o gengibre em pó e nem o cravo em pó para comprar, tive que improvisar! O gengibre utilizei um pedaço pequeno que espremi no espremedor de alho, apenas algumas gotinhas foram o suficiente para dar um sabor muito especial aos biscoitos. Já o cravo, soquei duas unidades com um socador de alho até que virassem pó.

- Se você utilizar uma forma antiaderente para assar os biscoitos, não precisa untar.

- Se o seu rolo for de madeira, envolva-o com um filme plástico ou passe farinha de trigo por todo o rolo, ele vai deslizar mais facilmente na hora de abrir a massa. O meu rolo é de plástico, não precisei usar este truque.

- Eu utilizei cortadores no formato de estrela, flor, anjo e o famoso gingerbread, aquele bonequinho, o “Biscoito” do filme do Shrek, rs.

- Prefira os corantes em gel, eles são melhores para tingir, mas fique atento à cor vermelha, pois é uma cor difícil de se lidar. Se ao misturar o vermelho, o seu glacê ficar rosa (normalmente isso acontece) tente misturar também junto com o corante vermelho as cores azul (ou verde) e amarelo. No meu caso, eu utilizei várias gotas de vermelho e apenas uma gota do corante verde e uma gota do amarelo e consegui me aproximar mais do vermelho, fiquei satisfeita.

- Depois de pronta a decoração, espere secar bem para depois guardar. Mantenha os biscoitos em potes, de preferência de vidros, bem vedados para melhor conservação.

- Para a decoração utilizei as cores vermelha, verde, amarela e branca.

 

Biscoitos de Natal_glacê real colorido

Vocês não estão vendo a cor branca na foto, não é mesmo?! rs.

 

A cor branca, claro, é só não colorir o glacê, mas eu, muita afoita, rs, acabei tingindo todo o glacê real com as cores vermelha, verde e amarela e não sobrou a branca, então tive que improvisar! Misturei meia xícara (chá) de açúcar de confeiteiro com água que fui colocando bem aos poucos até ficar uma mistura cremosinha, coloquei num saco pequeno tipo ziploc, cortei a pontinha com uma tesoura e pronto! Não ficou um branco tão vivo, mas até que deu pro gasto. Repare nos botõezinhos do bonequinho…

 

Biscoitos de Natal1

O primeiro gingerbread a gente nunca esquece! rsrs

 

Biscoitos de Natal2

 

Biscoitos de Natal3

 

Biscoitos de Natal4
O anjo ficou mais pra fantasminha do que pra anjo, rsrsrs, mas valeu a tentativa!

 

Biscoitos de Natal5

 

Faça um mimo para os seus familiares e amigos! Embale os biscoitos em saquinhos de celofane, feche com uma fita de Natal e coloque um cartãozinho, eles vão amar!

Os da foto a seguir fechei os saquinhos com um “pregadorzinho” com motivos de Natal, um agradinho que fiz aos meus amigos da minha Equipe de Nossa Senhora! Até recebi pedido de encomendas, mas sou apenas uma dona de casa que gosta de brincar de cozinhar, tenho que comer muito feijão ainda para me tornar uma profissional. Quem sabe um dia! rs

 

Biscoitos de Natal7

 

Biscoitos de Natal6

 

Dia Um… Na Cozinha! sempre nos proporcionando oportunidades de aprendermos cada vez mais! Obrigada! =)

Logotipo Dia Um... Na Cozinha Dezembro 2014

 

Uma ótima semana a todos, fiquem com Deus!

Bj_Natal_gif

BATATA RECHEADA

 

Olá amigos, bom dia!

A Susana Figueiredo, do blog Tempo, para que te quero? me convidou a fazer parte de uma comunidade no facebook denominada Quinze dias com… Trata-se de um projeto onde a cada quinze dias um chef diferente será eleito para que durante esses quinze dias possamos preparar uma ou mais receitas do referido chef. Eu mais que aceitei esse desafio! E que desafio! É a primeira vez que estou participando e logo de cara já me deparo com o renomado chef Gordon Ramsey. Uau! Um desafio e tanto, hein?! Nunca preparei nenhuma receita dele! E por causa disso mesmo que vou amar fazer parte deste grupo porque a cada quinze dias é uma oportunidade de conhecer novos chefs e preparar suas maravilhosas receitas.

O chef da vez, como disse anteriormente, é o Gordon Ramsey. Ele é escocês, mas foi criado na Inglaterra. Para conhecer mais sobre ele clique AQUI.

Bem, mas que receita preparar do chef Gordon??? Entre tantas, resolvi escolher uma que preparei no jantar aqui de casa e que muito me agradou! Como amo batatas, não podia deixar de preparar esta que trago a vocês: batata recheada!

Receita original AQUI.

Ingredientes:

  • 2 batatas grandes
  • Sal a gosto
  • 1 xícara (chá) de repolho cortado em tiras finas
  • Manteiga ou margarina a gosto (para refogar o repolho e para fazer o purê)
  • Pimenta do reino a gosto

Preparo:

  1. Lave bem as batatas com uma escovinha, seque-as e tempere com sal a gosto.
  2. Disponha as batatas numa assadeira e asse por 30 minutos em forno preaquecido a 180ºC.
  3. Numa frigideira, refogue o repolho na manteiga e acrescente um pouco de água para ficar macio e não queimar, tempere com pimenta do reino.
  4. Depois que as batatas estiverem assadas (elas devem estar crocantes por fora e macias por dentro), corte-as ao meio e retire o centro com uma colher, reserve a casca.
  5. Amasse a batata com um pouco de manteiga e adicione o repolho, misture bem e tempere com sal.
  6. Coloque a mistura dentro das cascas das batatas e leve ao forno por mais 10 minutos ou até dourar.

Dicas da Si:

- Rodei Guará city para achar o danado do repolho crespo e nada, usei o normal mesmo.

- Fiz metade da receita e como meu marido não come repolho, então pra ele substituí o repolho por bacon que preparei no micro-ondas (veja como AQUI).

- No meu forno, as batatas levaram 45 minutos para ficarem no ponto: crocantes por fora e macias por dentro. Antes de levar ao forno, com um palito de dente, faça um furo nas batatas, assim elas vão cozinhar melhor por dentro.

 

Batata recheada

 

Batata recheada1

 

Quinze dias com… chef Gordon Ramsey! E aí vai encarar?! rs

 

GR

 

Beijos e até a próxima!

bjs1

GRATINADO DE BATATA

 

Bom dia, amigos!

Hoje trago pra vocês um prato bem do dia a dia, simples de fazer e super delicioso! Os apaixonados por batatas como eu, não podem deixar de preparar esta receita!

A batata é sempre um coringa pra mim! Se estou sem ideias ou sugestões para o almoço ou jantar penso logo na batata. Dá pra fazer uma infinidade de receitas com ela e num dias assim surgiu este gratinado, espero que gostem!

Ingredientes:

  • 4 batatas médias descascadas e cortadas em rodelas
  • 200g de presunto
  • 200g de mussarela
  • 1 tomate sem sementes picado
  • Azeitonas verdes picadas a gosto
  • Orégano a gosto
  • Cheiro verde a gosto
  • Azeite a gosto
  • Queijo parmesão ralado para polvilhar
  • Margarina para untar

Molho branco:

  • 1 colher (sopa) de azeite
  • 1 dente de alho espremido
  • Meia cebola picadinha
  • 1 xícara (chá) de leite
  • 1 colher (sopa) de farinha de trigo
  • Noz moscada a gosto
  • Sal e pimenta do reino a gosto

Modo de fazer:

  1. Pré-cozinhe as rodelas de batata no micro-ondas por 4 minutos (veja como AQUI) ou numa panela com água por 5 minutos ou até ficar al dente.
  2. Enquanto isso, prepare o recheio. Pique o presunto e a mussarela, disponha-os numa tigela e acrescente o tomate picado, as azeitonas picadas, o orégano, o cheiro verde, o azeite e misture muito bem.
  3. Unte um refratário com a margarina e faça camadas com as batatas e o recheio de presunto e mussarela , termine com a batata. Coloque por cima de tudo o molho branco, salpique o queijo parmesão ralado e leve ao forno preaquecido a 200ºC por 25 minutos ou até dourar.

Molho branco:

Dissolva a farinha de trigo na metade do leite e reserve. Numa panela, coloque o azeite, doure o alho e a cebola, acrescente a farinha de trigo dissolvida no leite, o leite restante, o sal, a pimenta do reino e a noz moscada, mexa até o molho engrossar.

Dicas da Si:

- As batatas eu cozinhei numa panela com bastante água e acrescentei meio sachê de caldo de legumes.

- Substituí o alho e a cebola por 1 colher (sobremesa) de alho e cebola em conserva.

- Você pode acrescentar a este recheio milho e ervilha ou preparar outro de sua preferência como carne moída, frango desfiado com catupiry, atum, ricota…

 

Gratinado de batata

 

Gratinado de batata1

 

Gratinado de batata2

Pano de prato em ponto cruz que ganhei da amiga Roselia.

 

Gratinado de batata3

 

Beijos e até a próxima!

sv01_pv02_00000127_scaled_43x43

COMO LIMPAR RESQUÍCIO DE COLA DOS UTENSÍLIOS DE COZINHA

 

Olá amigos, bom dia!

Hoje trago uma dica bem legal que vai facilitar muito a sua vida! Sabe quando a gente compra um utensílio pra cozinha como uma panela ou uma forma de bolo, por exemplo, que vem grudadas aquelas etiquetas como de preço ou da marca do produto? Já aconteceu de você chegar na sua casa toda contente com a sua nova aquisição e na hora de tirar o preço a etiqueta não sai inteira, ficando aquele resquício de cola no produto? Comigo já aconteceu vááárias vezes e na tentativa de tirar aquela cola eu já usei álcool, desengordurante, água quente, lã de aço, saponáceo… era o maior sacrifício e cheguei até a estragar uma vasilha e a cola não saiu! Muito frustrante isso!

Mas um dia, eu fui num bazar aqui perto da minha casa comprar uma jarra de vidro e na hora que a moça que me atendeu foi tirar o preço aconteceu exatamente isso que eu estou falando, a etiqueta não saiu inteira e ficou aquela marca feia de cola na jarra que era tão linda, até murchei! Mas de repente, ela vira pra mim e diz assim: “pra tirar essa marca de cola da jarra, chegando na sua casa, passa um pouquinho de óleo de cozinha e a cola sai tudo!” Confesso que fiquei meio descrente, mas foi a primeira coisa que fiz ao chegar em casa e deu suuper certo! Maravilha! A cola saiu com muita facilidade e eu nem precisei fazer força! Santa vendedora, viu?! Serei eternamente grata a ela por esta dica tão preciosa que agora partilho com vocês! Pode ser que vocês até já saibam, mas pra mim foi a descoberta  do ano! rsrs

Tem etiqueta que é super boazinha, sai com uma facilidade que dá até gosto, mas tem etiqueta que é uma peste não sai nem com reza braba! E pra essas etiquetas chatas já temos a solução: óleo de cozinha nelas!

Vou ilustrar aqui alguns exemplos! Veja esta forma que comprei, quando fui tirar a etiqueta (era da chata) ela não saiu inteira!

 

tirando a cola das etiquetas

 

Coloquei um pouquinho de óleo num papel toalha…

tirando a cola das etiquetas1

 

E passei sobre a cola… fui passando até sair toda a cola.

tirando a cola das etiquetas2

 

Num instante a cola saiu por completo! Veja como ficou…

tirando a cola das etiquetas3

 

Em seguida passei um pano limpo e seco para tirar o excesso de óleo e qualquer marquinha de cola que tenha ficado para trás…

tirando a cola das etiquetas4

 

Neste momento, fiz uma outra descoberta: quando virei o pano ele saiu preto…

tirando a cola das etiquetas5

 

Então percebi que o óleo serve também para lustrar o alumínio! Com isso, passei óleo pela forma inteira, rs. Depois lavei normalmente com água e sabão. Ficou brilhando sem nenhum esforço!

 

tirando a cola das etiquetas7

 

Veja o lugar onde estava a etiqueta, ficou perfeito, bem do meu gosto!

 

tirando a cola das etiquetas6

 

Usei este método também para retirar a cola do prato, desta vez usei óleo em spray.

tirando a cola das etiquetas8

 

Fiz uma experiência com uma vasilha de plástico que fazia anos que a cola estava ali e funcionou perfeitamente, minha vasilha ficou até parecendo nova, rs.

tirando a cola das etiquetas9

 

E você? Como faz pra tirar a cola das etiquetas que fica grudada nos seus utensílios de cozinha? Conte pra nós!

E por hoje é isso, pessoal! Espero que tenham gostado!

 

Beijos e até a próxima!

bj

CESTINHA DE PARMESÃO

 

Cestinhas de parmesão4

 

Olá amigos, bom dia!

Faz muuuito tempo que preparei estas cestinhas para levar num jantar na casa de amigos, foi no final do ano passado, “óia” já vai fazer um ano! Como o tempo passa! É a segunda vez que faço essas cestinhas, da primeira vez servi com frios, desta vez servi com salada. Além de saborosas, deixam a mesa um encanto, podemos dizer que é um “enfeite” que se come depois (rs).

Na verdade, nem chega a ser uma receita, é mais uma dica porque utiliza-se apenas um único ingrediente que é o parmesão ralado. Mas vamos lá, vou tentar fazer um passo a passo.

  • Você vai precisar de queijo parmesão ralado grosso.

Forre uma frigideira antiaderente com uma porção de queijo ralado e leve ao fogo.

 

Cestinhas de parmesão

 

Quanto mais queijo você usar numa porção, mais as “tramas” das cestinhas, vamos assim dizer, vão ficar  fechadinhas, se a porção de queijo for menor, as “tramas” vão ficar mais abertinhas como as minhas ficaram. Ah! E quanto maior a frigideira, maior vai ficar a cestinha.

O queijo vai começar a derreter e se unir, formando uma coisa só, como se fosse um disco.

 

Cestinhas de parmesão1

 

Neste momento, há duas maneiras de moldar as cestinhas!

1ª) Com o auxílio de uma espátula, coloque o disco de queijo derretido dentro de um recipiente de vidro de modo que forre todo o fundo e as laterais, coloque um copo dentro do recipiente para moldar a cestinha (o fundo deste copo deve ser um pouco menor que o fundo do recipiente de vidro para que a base da cestinha fique assentada). Espere esfriar.

 

Cestinhas de parmesão2

 

2ª) Coloque um copo de boca para baixo e vire o disco de queijo derretido sobre ele, muito cuidado neste momento para não se queimar. O disco de queijo vai cair sobre o copo, caso alguma parte fique presa no fundo da frigideira, utilize uma espátula para soltar. Raramente isso acontece, mas pode acontecer, por isso a importância de usar uma frigideira antiaderente.

 

Cestinhas de parmesão3

Ao retirar a frigideira, aperte, com cuidado, o fundo do copo para moldar a cestinha, use um papel toalha para não se queimar. Deixe esfriar. Este método faz um bocado de sujeira, mas é muito eficiente.

E as cestinhas ficaram assim…

 

Cestinhas de parmesão5

 

Eu servi salada com croutons dentro das cestinhas, mas você pode servir também um mix de frios como salame, salsicha, presunto… salada de maionese e salpicão de frango também são ótimos para serem servidos nas cestinhas.

Neste dia, para o jantar com os amigos, além da salada que levei numa travessa e nas cestinhas de parmesão, levei também legumes sauté.

 

Salada

Salada mista

 

Legumes sauté

Legumes sauté

 

Ontem, meu outro blog, Fotos e Prosas, estreou no facebook e eu gostaria  de aproveitar e agradecer a todos vocês que passaram por lá, que curtiram, que deixaram mensagens, muito, muito obrigada mesmo de todo o meu coração. O que seria de mim sem vocês! Agradeço demais por todo o apoio, carinho e amizade! Coração vermelho

Muitos beijos e até a próxima!

love you

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
VIVENDO E APRENDENDO © Copyright 2012. Desenvolvido por Elaine Gaspareto