Pesquisar este blog

BOLO CREMOSO DE FUBÁ

Esta receita é de uma revista que eu tenho "Receitinhas Baratinhas". É fácil de fazer e fica muito saboroso.

Bolo Cremoso de Fubá
(by Ed. Alto Astral)


Ingredientes:
- 3 ovos
- 3 xícaras (chá) de açúcar
- 5 xícaras (chá) de leite
- 100g de queijo parmesão ralado
- 1 xícara (chá) de fubá
- 2 colheres (sopa) de farinha de trigo
- 1 colher (sopa) de fermento em pó
- 2 colheres (sopa) de margarina
- 1/2 lata de leite condensado
- margarina e farinha de trigo para untar
- açúcar e canela em pó para polvilhar

Preparo:
1- Bata todos os ingredientes no liquidificador por 5 minutos e despeje em uma forma de 30cm x 22cm untada e enfarinhada.
2- Leve ao forno médio, preaquecido, por 30 minutos ou até que ao enfiar um palito, ele saia limpo.
3- Retire do forno, deixe amornar, polvilhe com açúcar e canela misturados, corte em quadrados e sirva.

Rendimento: 12 porções

Dicas da Si:
- A primeira vez que fiz este bolo, fiz exatamente como está na receita, mas aí fiquei sem saber direito o que fazer com a 1/2 lata de leite condensado restante. Ficou, ficou na geladeira até eu dar um destino para ela. Isso não me agradou  muito. Então, quando fiz da segunda vez, fiz diferente: ao invés de colocar 3 xícaras (chá) de açúcar, diminui para 1 xícara apenas e usei uma lata de leite condensado inteira. Olha, ele demorou um pouquinho mais de 30 minutos para assar, mas ficou muito bom!
- Este bolo fica bem doce, se você não gosta de muito doce evite polvilhar com açúcar e canela, pois esta mistura vai adocicar ainda mais o bolo.
- Às vezes as pessoas me perguntam: "o seu creme ficou em cima ou embaixo?" Sempre que faço bolo de fubá cremoso, seja esta ou outra receita, o creme nunca ficou no  meio, sempre fica em cima, eu não sei qual a razão disso, se um dia descobrir conto pra vcs!

PREPARANDO O CHURRASCO - DICAS

Pensou em reunir a família ou os amigos, pensou em churrasco! É mais prático, faz menos sujeira e você não tem que ficar o tempo todo no cozinha. E não se espante se alguém ligar pra você te convidando pra um churrasco com a condição de você levar o "kit churrasco" - 1 kg de carne, bebida na quantidade que você costuma tomar e às vezes lhe pedem até uma sobremesa. Hoje em dia ninguém está pagando mais nada pra ninguém, a moda agora é essa, até festa de aniversário está sendo assim. Esses dias mesmo fui a uma festa de aniversário e fiquei incumbida de levar o salgado. O bom é a variedade de coisas que tem pra comer, mas pra quem faz dieta não aconselho participar de festas assim, por outro lado, é ruim porque sobra tanta coisa que acaba levando as pessoas ao desperdício. Mas voltando ao assunto do churrasco que é o foco, sempre vem as dúvidas na hora de prepará-lo como por exemplo: o que servir e principalmente a quantidade de carne que devemos comprar. As dicas a seguir são ótimas e a sua única preocupação é se divertir a valer! =D

A quantidade de carne calcula-se da seguinte maneira:
- 400 g de carne por pessoa no caso de adulto e 300 g de carne se for criança. Para esta quantidade está incluída a linguiça e outro tipo de carne como a costela, por exemplo. Calcula-se assim: 100g de linguiça, 200g de costela (seria 100g, mas considerando o osso, dobra-se a quantidade) e 200g de carne como picanha, por exemplo.
- Lembrando que além da carne, serão servidos os acompanhamentos e apertitivos, portanto, a quantidade sugerida é para não faltar, pois em churrasco sobrar pode, faltar jamais!

- Os tipos de carne bovina mais utilizados em churrasco são: picanha, maminha, fraldinha, costela, cupim, alcatra e contra-filé. Independente da carne, o melhor tempero é o sal grosso. Porém, há quem diga para temperar algumas carnes, mas somente algumas, com alho, pois o alho dá sensação de satisfação para o nosso organismo, ou seja, a pessoa se sente satisfeita. Esta técnica é muito usada em rodízios. E para quem gosta de alho é uma boa pedida!

- Para melhores resultados, toda carne deve ficar por cerca de 1 hora em temperatura ambiente e ser temperada minutos antes de ir à churrasqueira. A carne não deve ser lavada, pois a água irá endurecê-la.

- Os acompanhamentos mais utilizados são: farofa, saladas, vinagrete, arroz, aperitivos, pão de alho e maionese, em algumas regiões a mandioca cozida é muito consumida.

- Quanto a sobremesa, geralmente as frutas são boas opções, pois elas tem enzimas que quebram as moléculas da carne e da gordura, facilitando a digestão. Você poderá também servir sorvete, ainda mais se tiver um dia quente.

- Tempere com sal, ou outro condimento, apenas as carnes que for assar. Assim, você pode congelar as peças que sobrarem. Lembre-se de que as sobras de carnes podem ser reaproveitadas em recheios e farofas. Não desperdice.

- Carnes ideais para churrasco:

Alcatra: apresenta pouca gordura, que ainda deve ser retirada, deixando-a perfeitamente limpa. Deve ser cozida ao ponto ou mal passada. Como as outras carnes de primeira, não deve ser fatiada e sim cortada em pedaços grossos para ser levada ao prato. É a maneira de manter o ponto por fora, na casquinha, e a suculência por dentro.

Picanha: é macia e isto se deve por ser uma carne sem músculos e de alto volume sanguíneo, o que lhe marca o sabor característico. Ela deve ser servida em pedaços grossos e no prato é que se vai cortando em pequenos cubos para comer. O ponto certo da picanha é o malpassado.

Contra-file: é macio, tem sabor acentuado, muito suco e dificilmente se erra no ponto. Deve ser servido ao ponto ou mal passado, sob pena de perder o suco e daí o sabor. Para servir, corte em postas de espessura média.

Maminha ou ponta de alcatra: deve ser servida mal passada mas aceita ser servida ao ponto e até bem passada.

Filé mignon: caracteriza-se por ser uma carne macia e gosto levemente adocicado. Tem presença obrigatória nos melhores restaurantes. Para grelhar deve ser cortado em bifes grossos e servir ao ponto pois a maciez e o sumo se mantém.

Fraldinha: é uma carne muito saborosa, boa de assar mas que não é uma carne popular. Não deve ser passada demais. É uma carne cheia de gorduras e nervos e é preciso ser muito bem limpa para ir até à grelha.

Chuleta: é também uma carne saborosa mas às vezes fica dura ao ser assada. Seu ponto certo é o mal passado. É entremeada de gordura, que a mantém suculenta.

Costela: é a carne mais típica do churrasco. Para os churrasqueiros, churrasco é sinônimo de costela. Antigamente fazia-se churrasco só de costela e de alguns anos para cá é que foram introduzidos outros tipos de carne. Ela só deve ir ao fogo quando estiver bem limpa, isto é : carne à vista de um lado e osso de outro. A costela deve sempre ir às brasas com o lado do osso para baixo. Somente quando esta parte mostrar-se bem assada é que se deve virar o espeto. Serve-se ao ponto.

Além do churrasco tradicional, usa-se outros tipos de carne como a de porco, ovelha, frango e peixe, além da linguiça, coração de galinha, etc.

Outros itens importantes são indispensáveis em um churrasco como uma boa música, uma ótima conversa e principalmente um excelente churrasqueiro.

Bom churrasco!!!
Bjs, Sileni

DICAS DE COMO ORGANIZAR UMA FESTA INFANTIL



Para quem não quer ter trabalho com nada, o ideal seria contratar um buffet para organizar a sua festa. Hoje em dia temos muitas opções de bufetts, mas fique atenta, tudo o que for combinado deverá ser por escrito através de contrato e o mesmo deverá ser cumprido. Faça sempre uma degustação antes para se certificar da qualidade dos alimentos a serem servidos e peça sempre referências, eliminando assim quaisquer dúvidas.
Mas, para quem gosta de receber os amigos em casa, assim como eu, saiba que não é uma tarefa muito fácil, pois devemos estar atenta a tudo, nos mínimos detalhes. A vantagem da festa em casa é que você poderá fazer exatamente tudo do seu gosto e caso pretenda não fazer nenhuma "mega festa", o custo será menor e o horário de festa em casa é mais flexível, não tendo que cumprir horário quando a festa ocorre no condomínio ou num salão. E o melhor de tudo são os elogios que serão todos pra você! Anote aí estas dicas indispensáveis:

1- PLANEJANDO A FESTA:
O primeiro passo é planejar a festa. Quando a criança tem de 1 a 2 anos, normalmente os pais, em especial a mãe é quem decide o tema da festa. Mas a partir dos 3 anos de idade a criança já opta por qual tipo de festa deseja para o seu aniversário. Neste caso, sente com o seu filho (a) e descubra que tipo de festa ele gostaria. Caso não seja possível atendê-lo, faça algumas adaptações em cima do que ele deseja. O importante é que tudo se enquadre dentro do seu orçamento.

2-  A LISTA DOS CONVIDADOS:
Leve sempre em consideração a possibilidade de irmãos, babás ou pais que poderão ir à festa e tenha sempre em mente que sua lista poderá aumentar até o dia da festa. Considere também que aproximadamente 15% dos convidados poderão não comparecer.

3- DEFININDO A DATA E O HORÁRIO:
Festa no final de semana geralmente tem um maior número de convidados, pois quando a criança convidada tem irmãos, os mesmos provavelmente irão já que o pai ou a mãe ou ambos irão levar seus filhos.

Festa durante a semana o número de pessoas tende a ser menor, pois geralmente os pais trabalham e não comparecem, há casos em que uma só mãe dê carona para 2 ou 3 amiguinhos e pode ser também que os irmãos tenham compromissos e muitos pais acabam não indo.

4- ESCOLHENDO O TEMA DA FESTA:
O tema deve estar relacionado com a idade do aniversariante. Além disso, é necessário verificar se o personagem escolhido está disponível, pois às vezes, trata-se de um tema novo que ainda não oferece opções no mercado.

5- PLANEJANDO O CARDÁPIO:
A alimentação deve ser definida de acordo com o horário da festa. Deve-se considerar que a quantidade irá variar de acordo com o horário e o público previsto.
Se a festa ocorrer no horário do almoço ou jantar, você poderá servir salgadinhos variados, porém em quantidades maiores que o normal. Outra opção seria servir uma massa com opção de molho ou duas massas com um molho diferente para cada uma, uma salada simples e também salgadinhos no decorrer da festa. Mas por se tratar de festa de criança, que normalmente torce o narizinho quando vê algum verde na comida, o melhor mesmo é servir salgadinhos.
Se a festa ocorrer à tarde, ofereça salgadinhos variados. 
Mas, independente do horário da festa, além de salgadinhos você poderá oferecer também pipoca, mini-pizza, mini-hamburguer, cachorro-quente etc.
Outra idéia legal e que as crianças curtem bastante é você montar uma mesa de guloseimas do tipo: balas, pirulitos, m&m's, pães de mel, bombons, chocolates, marshmellows, balas de goma... aí é só usar a sua criatividade e imaginação.
Modelo de mesa de guloseimas (foto da internet)

Confira mais fotos de mesa de guloseimas nos posts "FESTA INFANTIL" e DICAS DE FESTA INFANTIL.

6- CALCULANDO A QUANTIDADE:
Se a festa acontecer durante a semana, provavelmente o número de adultos será menor.
Já no final de semana, deverão comparecer um maior número de adultos.

Festa à tarde:

CRIANÇAS:
5 salgados
2 doces
4 copos pequenos de refrigerante

ADULTOS:
6 a 8 salgados
3 doces
5 copos pequenos de refrigerante

Festa em horário de refeição com refeição:

CRIANÇAS:
1 prato de massa ou outro
3 salgados
2 doces
4 copos pequenos de refrigerante

ADULTOS:
1,5 pratos de massa ou outro
6 salgados
3 doces
5 copos pequenos de refrigerante

Festa em horário de refeição sem refeição:

CRIANÇAS:
7 salgados
4 doces
4 copos pequenos de refrigerante

ADULTOS:
10 salgados
6 doces
5 copos pequenos de refrigerante

Quantidade de tipos de salgados: 4 a 6
Quantidade de tipos de doces: 3 a 4
Quantidade de tipos de bebidas: 3 (2 refrigerantes e água)

ATENÇÃO: A quantidade de salgadinhos acima calculada são para salgadinhos do tamanho normal de festa e não aqueles servidos em coquetéis que são menores, mini-salgados. Se for servir mini-salgadinhos deve-se aumentar a quantidade. Por exemplo, se for servir somente coquetel, a média é de 15 a 18 salgadinhos por pessoa.
Normalmente, bebidas alcóolicas não são servidas em festa infantil, mas caso você queira servir cerveja para os adultos, a quantidade é de 3 copos (200 ml) por pessoa.

O Bolo
O bolo é o item de destaque da festa. Além de gostoso, deve ser bonito e/ou criativo. O consumo do bolo é em média 100 gramas por convidado.

Os Descartáveis:
Copos:
3 copos por pessoa ou para cada 2 litros de refrigerante tenha 12 copinhos de 200 ml.
Compre 20% a mais do número de pessoas que comparecerão.
 
Guardanapos:
5 a 10 guardanapos de papel (grande) por pessoa ou 10 a 15 guardanapos de papel (pequeno) por pessoa ou ainda para 500 salgadinhos use 10 pacotes de 50 unidades.
 
Pratos e Talheres:
20% a mais do número de pessoas que comparecerão, para cada momento: entrada, refeição e sobremesas.
 
7- ANIMAÇÃO E DIVERSÃO:
A diversão vai de acordo com a idade do aniversariante e também com a média das idades dos convidados. Sendo assim, anime a festa com CDs e se tiver espaço na sua casa contrate palhaços, show de mágicas e/ou uma equipe de recreação que farão brincadeiras e jogos com os convidados. Você poderá ainda, dependendo do espaço, colocar brinquedos como pula-pula, cama elástica, piscina de bolinhas etc. E se quiser e puder gastar mais um pouquinho poderá colocar um telão com apresentação de clips ou sessão de fotos do aniversariante.
 
8- PLANEJANDO O ROTEIRO DA FESTA:
Ninguém chega no horário marcado. Inicie a festa com as brincadeiras, em seguida o show de mágicas, se houver, depois os parabéns e por fim a entrega das lembrancinhas que poderão ser sacolinhas surpresa para as crianças. A entrega das lembrancinhas é uma forma de agradecimento pela presença.

Outra dica que você não pode esquecer:
- Uma festa infantil tem em média a duração de 3 a 4 horas, portanto fique atenta quanto ao tempo de duração da festa! Em uma festa animada que dura mais de cinco horas, espera-se que as pessoas comam e bebam muito mais!
- No verão o consumo de bebidas é maior.

Espero que eu tenha ajudado você de alguma forma, qualquer dúvida ou dica deixe o seu comentário.

Beijos,

*******************

POST ATUALIZADO EM 13/04/2011

Coloco aqui pra vocês mais uma dica bem criativa para alegrar a criançada.

PICLES COLORIDO DE BALAS

Ingredientes
Balas de goma coloridas, de formatos diferentes
Marshmallow
Palitos
Modo de Preparo
Alterne nos palitos as balas coloridas e o marshmallow.

Dicas da Si:
- Anexa os palitos com as balas coloridas e o marshmallow em isopor que pode ser comprado em papelarias ou lojas próprias para festa infantil e vem em placas, blocos ou no formato de bola e tem também as maquetes de isopor para bolo falso (escreva "maquete de isopor para bolo falso" no google-imagens para você ver alguns modelos), outra dica é encapar o isopor de acordo com o tema da festa do seu filho. Quer economizar? Compre um repolho, encape com papel alumínio e coloque os espetinhos nele.

imagem: google


Esta dica de Picles Colorido de Bala é da Sueli Rutkowski do programa da Eliana do SBT.

BOLO COM RECHEIO DE MORANGO

Estamos nos aproximando da época do morango, quem não gosta desta fruta, não é mesmo? Ainda mais quando combinada com cremes, chocolates... é uma tentação! Um dia cismei que queria fazer um bolo com recheio de morango, mas não tinha uma receita do tipo, aí pesquisei em vários sites e também meu marido imprimiu algumas para mim da internet. Lendo todas e combinando um ingrediente aqui e outro ali, acabei montando uma receita própria e olha, não é que ficou uma delícia?!!!

Bolo com Recheio de Morango
(by Si)

Ingredientes:
Massa:
- 2 xícaras (chá) de farinha de trigo
- 4 ovos (claras separadas das gemas)
- 1 1/2 xícara (chá) de açúcar
- 2 colheres (sopa) de margarina
- 1 xícara (chá) de leite
- 1 colher (sopa) de fermento em pó

Recheio e Cobertura:
- 1 lata de leite condensado
- 2 medidas de leite (a mesma da lata)
- 3 colheres cheias (sopa) de amido de milho
- 1 gema
- 1 lata de creme de leite sem o soro
- 1 caixa de morangos picados (reserve alguns morangos inteiros para enfeitar)

Modo de preparo:
Massa:
Coloque no liquidificador as  gemas, o açúcar e a margarina e bata bem.Adicione o leite e torne a bater. Coloque esta mistura numa tigela e acrescente a farinha de trigo e mexa até incorporar à massa. Bata as claras em neve e junte à massa, por último coloque o fermento e mexa delicadamente com movimentos de  baixo para cima. Asse em forma untada e enfarinhada em forno preaquecido a 180°C por 40 minutos.

Recheio:
Numa panela, coloque o leite condensado, o leite (reserve um pouco) e a gema passada em peneira. Misture o amido de milho ao leite reservado e junte aos outros ingredientes na panela. Mexa. Leve ao fogo e mexa até formar um creme. Desligue, espere esfriar e misture o creme de leite sem o soro, batendo em seguida na batedeira.

Montagem:
Corte o bolo ao meio e recheie com 1/3 do creme e os morangos picados. Coloque a outra parte do bolo por cima e cubra com o restante do creme e decore com os morangos inteiros.

Dicas da Si:
- Prefira o creme de leite de caixinha, assim não precisa tirar o soro.
- Para um bolo bem recheado e molhadinho, antes de colocar o recheio, molhe o bolo com leite, misture os morangos picados com o recheio e use tudo no bolo. Para a cobertura, cubra com chantilly e decore com morangos.


 Este bolo da foto, eu cortei em três partes, ficando duas camadas de recheio e cobri com chantilly de caixinha e decorei com coco ralado e morangos. Para ver mais fotos deste bolo clique AQUI.

PUDIM DE COOKIES

Esta receita eu vi a Ana Maria Braga fazendo em seu programa e depois peguei a receita no site. Eu fiz de sobremesa no Natal do ano passado, é fácil de fazer e fica muito bom!

Pudim de Cookies
(by Ana Maria Braga)

Ingredientes:
- 1 lata de leite condensado
- 1 1/2 lata (a mesma lata usada acima) de leite
- 3 ovos
- 1 colher (sopa) de amido de milho
- 1 lata de creme de leite
- 150g de biscoitos de chocolate (cookies) quebrados em 4 partes.

Modo de preparo:
1- Num liquidificador coloque 1 lata de leite condensado, 1 1/2 lata (a mesma lata usada acima) de leite, 3 ovos, 1 colher (sopa) de amido de milho, 1 lata de crreme de leite e bata até obter um creme homogêneo.

2- Transfira este creme para um tigela e misture 150g de biscoito de chocolate (cookies) quebrados em 4 partes.

3- Numa forma para pudim untada com margarina, coloque a massa e leve ao fogo em banho-maria por +/- 1 hora. Desenforme morno e leve à geladeira para gelar.

Dicas da Si:
- O biscoito "cookies", tem sabor baunilha com gotas de chocolate e o sabor chocolate com gotas de chocolate, eu usei a segunda opção.
- Um pacote de biscoito tipo "cookies" tem 200g, eu usei metade do pacote.
- A temperatura do forno foi de 220°C.
- Coloque um pedaço ou uma rodela de limão na forma com água do banho-maria, assim evita que a forma para pudim escureça.
- Você pode servir com calda de chocolate ou ainda usar aquelas coberturas de chocolate para sorvete que vendem em supermercados, fica muito bom!






FILÉ DE PEIXE AO FORNO

Um dia pedi uma receita de torta para minha sogra e ela me deu várias outras receitas todas assinadas pela marca "Maizena" e uma delas é esta de peixe que vou postar aqui. É uma ótima receita para quem gosta de variar no almoço e jantar.

Filé de Peixe ao Forno
(by Maizena)


Ingredientes:
- 1/2 kg de filé de pescada
- 1 xícara (chá) de leite
- sal a gosto
- 1 xícara (chá) de farinha de trigo

Molho:
- 3 xícaras (chá) de leite
- 4 colheres (sopa) de Maizena
- 1 colher (sopa) de margarina
- 1/2 xícara (chá) de queijo ralado

Modo de preparo:
Deixe os filés de molho no leite com sal por 5 minutos. Tire o leite e passe na farinha de trigo. Frite em óleo quente, dourando dos dois lados. Retire e coloque em papel absorvente.

Molho:
Misture os ingredientes do molho numa panela, reservando 2 colheres (sopa) do queijo ralado. Leve ao fogo mexendo sempre até engrossar. Coloque o peixe numa travessa (média) refratária e espalhe o molho por cima. Polvilhe o queijo ralado reservado e leve ao forno quente, cerca de 15 minutos. Sirva quente.

Rendimento: 6 porções

Dicas da Si:
- Eu usei filé de pescada congelado que vende em pacotinhos fechados no supermercado. Uma embalagem dá para duas pessoas.
- Ao fazer o molho, coloque o leite numa panela e reserve um pouco para dissolver a maisena, assim evita que o molho empelote.

SALADA DE MACARRÃO COM ATUM

Não sei dizer ao certo como adquiri esta receita, ela faz parte da minha coleção e se encontra manuscrita em meu caderno de receitas. Provavelmente alguém me passou ou eu copiei de alguma embalagem. É prática e muito fácil de fazer, ótima para servir em dias quentes.

Salada de Macarrão com Atum
(by meu caderno de receitas)


Ingredientes:
- 1 pacote de 500g de macarrão parafuso
- 1 lata de atum desfiado
- 1 cebola média bem picadinha
- 1 xícara (chá) de maionese
- 2 colheres (sopa) de salsa picada

Modo de fazer:
Cozinhe o macarrão na proporção de 1 litro de água para 100g de massa. O tempo de cozimento é de 8 a 10 minutos. Escorra-o e misture todos os ingredientes. Deixe-o na geladeira no mínimo duas horas. Sirva gelado como salada.

Rendimento: 5 porções

Dicas da Si:
- Você pode variar este prato acrescentando cenoura ralada no ralo grosso.

FILÉ DE PESCADA AO FORNO

Esta receita é de um livro que eu tenho "Almoço e Jantar com Ana Maria Braga". É uma receita fácil de fazer e pra quem gosta de peixe é uma boa pedida.  =)

Filé de Pescada ao Forno
(by Ana Maria Braga)


Ingredientes:
1/2 kg de filé de pescada
suco de limão
sal

1/3 de xícara de manteiga ou margarina
1 colher (sopa) de salsa picada
1 colher (sopa) de orégano
sal e pimenta

óleo para untar

Modo de fazer:
Limpe bem os filés e tempere com suco de limão e sal.

Prepare uma pasta com a manteiga, a salsa, o orégano, sal e pimenta.
Corte um pedaço de papel de alumínio para cada filé. Unte o papel com a manteiga temperada, coloque os filés e feche os pacotes. unte uma forma com óleo e arrume os pacotes. Asse por 20 minutos em forno moderado.

Desfaça os pacotes e arrume os filés numa travessa. Sirva com batatas cozidas passadas na manteiga e polvilhadas com salsa picadinha.

Dica: Com as sobras da pescada você pode preparar uma pasta para sanduíche: desfie e misture com maionese.

Dicas da Si:
- Eu usei filé de pescada congelado, aqueles que você compra nos supermercados e que vem em pacotinhos fechados. É mais prático, pois já vem limpos. Uma embalagem dá pra duas pessoas.
- Já fiz também com filé de merluza, mas como as postas são um pouco mais grossas que a do filé de pescada aumente o tempo de forno, eu deixei mais 15 minutos.
- Ao invés de fazer com batata sauté como pede a receita, você pode variar servindo com legumes cozidos e passados na manteiga como cenoura, vagem e brócolis.
- Depois que tirei os filés do papel de alumínio, eu levei novamente ao forno para dar uma douradinha, mas não deixe por muito tempo para que os filés não fiquem ressecados.

Prato feito com filé de merluza




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
VIVENDO E APRENDENDO © Copyright 2012. Desenvolvido por Elaine Gaspareto