O que você procura?

ARROZ NATALINO

Aproveitando a proximidade do Natal, vou postar aqui esta receita que vai deixar a sua ceia ainda mais saborosa. Eu fiz este arroz na ceia de Natal do ano passado e foi aprovada por tota a minha família e amigos. Eu até fiz arroz branco também por saber que alguns de meus convidados não comem arroz cheio de coisas, mas qual não foi a minha surpresa: o arroz branco sobrou quase tudo e o arroz natalino não sobrou nem uma ervilha, rs. Esta é uma receita da Palmirinha Onofre que tenho o prazer de registrar aqui. Pena que não tirei fotos, mas não vai faltar oportunidades para isso. Anotem.

Arroz Natalino
(by Palmirinha Onofre)


Ingredientes
  • 2 xícaras (chá) de arroz
  • 2 colheres (sopa) de óleo
  • 1 colher (sopa) de cebola picada
  • 3 xícaras (chá) de água
  • 1 xícara (chá) de ervilha
  • 1 xícara (chá) de milho verde
  • 1/2 xícara (chá) de azeitonas pretas
  • 1/2 xícara (chá) de uva passa branca
  • 1 xícara (chá) de cenoura
  • 100 gramas de presunto
  • 2 a 3 colheres(sopa) de manteiga
  • Temperos a gosto

Modo de fazer:
Em uma panela aqueça o óleo e refogue a cebola. Junte o arroz lavado e escorrido, sal, (caldo de galinha ou folha de louro opcional). Mexa. Adicione a água quente e cozinhe até secar.

Em uma frigideira aqueça a manteiga e refogue a ervilha, cenoura previamente cozida, milho, uvas passas e sal. Cozinhe por alguns minutos. Adicione o presunto picado e as azeitonas, mexa e reserve.

Montagem:
Em um recipiente, coloque o arroz e o refogado reservado. Mexa para se agregarem. Acomode em um refratário e decore com queijo ralado e amendoas ou a gosto.

Dicas da Si:
- Para fazer o arroz eu acrescentei alho picadinho e refoguei junto com a cebola.
- Segundo a Palmirinha, não deixe a água do arroz secar totalmente, assim evita que ele fique ressecado.
- Como o meu marido e eu não gostamos de uva passa, eu substituí por champignon e também acrescentei palmito.
- A cenoura eu piquei em cubinhos e cozinhei na panela a vapor para dar uma cozidinha de leve, ela precisa estar firme. Se você preferir, pode ralar também, neste caso, refogue direto junto com os outros ingredientes.
- O presunto eu cortei em cubinhos, mas se você comprar fatiado poderá cortá-lo em tiras.

********************

Gente, agora sim as fotos...



Esta foto é em homenagem a minha querida mamãe que colocou o vasinho do lado para, segundo ela, "a foto ficar bonita", rs. (Esta foto foi tirada na noite de Natal do ano passado na casa dela).

POR ONDE ANDA PALMIRINHA ONOFRE???

Com a confusão de reforma aqui em casa quase não estou assistindo TV, os programas de culinária então... nem pensar, passam justamente nos horários que a maquita, furadeira e cia estão no auge da gritaria! Tem dia que nem o telefone eu ouço tocar.

E algumas pessoas estão me perguntando do paradeiro da Palmirinha do TV Culinária na Gazeta, mas como não estou assistindo os programas estou completamente por fora dos acontecimentos. Eu fiquei sabendo da saída dela do TV Culinária porque um dia, na casa da minha mãe, ela comentou que a Palmirinha não estava mais apresentando o programa, mas não soube me dizer o motivo, então, entrei na internet e pesquisei.

Segundo o site Ofuxico, Palmirinha saiu da TV Gazeta por livre e espontânea vontade, pois com 79 anos de idade quer aproveitar melhor os frutos ganhos esses anos todos de muito trabalho não só como apresentadora, mas também por preparar uma boa gastronomia em eventos e festas.

Já ouvi dizer também que o SBT, Globo e Band estão de olho nela e que a Globo quer colocá-la junto com a Ana Maria Braga no programa Mais Você.
Bem, especulações à parte, só sei de uma coisa, que ela faz uma falta danada na TV brasileira, por isso deixo aqui o meu apelo: PALMIRINHA, VOLTA LOGO, POR FAVOR!!!

Aprendi muita coisa com ela e o diferencial do seu programa era ela mesma, com seu jeito único e meigo de apresentar e o carinho que tinha com os funcionários, merchan e principalmente nós, telespectadores.
Deixo aqui o meu abraço carinhoso e votos de que ela volte o mais breve possível.

A Palmirinha, de uma certa forma, faz parte da minha vida, da minha história, pois quando comecei a me aventurar na cozinha, o programa dela era o que eu mais assistia e gravava e suas dicas foram muito importantes e imprescindíveis, principalmente para mim que estava começando.

Eu adorava quando ela dizia: "você, amiguinha, que é casadinha de novo..." parecia que ela estava falando diretamente comigo, rs.
Amiguinha Palmirinha, desejo a você toda a felicidade do mundo, que aconteça o melhor para você, sua vida, que Deus te abençoe e volta logo!

Bjsss a todos!
Sileni

Foto da internet

FESTAS! SAIBA COMO RECEBER

Olá amigos, a novela "AINDA ESTOU SEM A MINHA COZINHA" está chegando ao fim, já começaram a montar os armários e, hoje, acredito que vão colocar as pedras da pia, passa pratos e balcão. Não vejo a hora de tudo ficar pronto!

Enquanto fico aqui  aguardando anciosamente a montagem da minha cozinha, impossibilitada de fazer qualquer coisa do gênero, vou postar aqui dicas para festas de um modo geral, mas já que estamos no final de ano valem também para confraternizações, Natal e Ano Novo. E você que vai preparar uma bela ceia para receber familiares e amigos anote estas dicas para que a sua ceia de Natal corra na mais tranquila paz e que o seu Ano Novo seja de muitos elogios.

COMO RECEBER

Receber amigos, parentes e mesmo pessoas conhecidas para jantar deve ser um prazer e não um motivo de preocupação.
E mesmo que os convidados sejam de cerimônia, não se preocupe, as regras de etiqueta existem para ajudar e não para atrapalhar.

O que fazer com antecedência
  • Tire a toalha de mesa do armário alguns dias antes.
  • Se for branca e ficou muito tempo guardada, pode estar com manchas amareladas. É preciso deixar no sabão em pó, de preferência, no sol, ou ferver com algumas gotas de limão.
  • Separe os pratos, copos e talheres na véspera para não se atrapalhar no dia do jantar. Se os talheres estiverem manchados, limpe-os com um produto especial para prata ou aço inoxidável e lave depois. Os pratos e copos já podem ser lavados, caso tenham acumulado poeira ou estejam manchados de gordura.
  • Algumas receitas podem ser preparadas de véspera. Isso evita correria e, em alguns casos, ficam até mais saborosas, porque o tempero penetra melhor.
À AMERICANA

Não importa o tipo de refeição, o serviço americano (bufê) resolve, de forma simpática, o problema de falta de espaço para reunir um grupo grande de amigos.
Todos os pratos são colocados em uma única mesa e cada convidado se serve à vontade.
Para que tudo corra bem, você só precisa pensar no cardápio e na melhor forma de acomodar a mesa e os convidados.
O cardápio para um jantar americano deve constar de uma entrada fria, um prato quente com acompanhamento, sobremesa, café e licores ou conhaque. As bebidas, além de aperitivos, podem ser cerveja ou vinho, dependendo do que for servir. Claro, se for uma ceia de Natal ou Reveillon não pode faltar o champanhe.

Como montar a mesa



A arrumação da mesa, no jantar americano, deve facilitar a circulação dos convidados. No esquema anterior, as setas indicam o sentido para cada um se servir.
  1. Se houver espaço suficiente, ajeite a mesa no centro. Se não, encoste-a numa parede. É importante deixar espaço à sua volta para permitir a circulação. Se a mesa for pequena, disponha nela apenas os pratos, talheres, guardanapos, copos e bebidas.
  2. De um lado da mesa, disponha pratinhos e garfinhos para a entrada fria, pratos, garfos grandes e guardanapos. Do outro lado, alinhe as travessas, cada qual com seu talher para servir. Em uma das extremidades, ajeite os copos e as bebidas. O vinho e a cerveja podem ser servidos momentos antes do jantar. Na outra extremidade, ponha o cestinho com os pães. Ao centro, coloque um arranjo de flores.
  3. Quando todos terminarem, tire tudo da mesa e coloque pratinhos, talheres e a sobremesa. Sorvetes, cremes e musses podem ser servidos em taças ou tigelinhas individuais.
Dicas
  • Mantenha as travessas sempre abastecidas.
  • Tenha vários abridores de garrafas e saca-rolhas à mão para não depender de um só.
  • Espalhe vários recipientes para caroço de azeitona.
  • Verifique se há cinzeiros para serem retirados.
  • Se os convidados forem comer com o prato na mão, sentados em poltronas ou sofá, facilite: sirva pratos que possam ser comidos apenas com garfo, sem necessidade do uso da faca.
  • Não use pratos ou copos de papel.
  • Não sirva sopas.
  • Leve à mesa água e refrigerante para quem não tomar bebida alcóolica.
  • Para um bufê frio ou quente, os pratos não devem levar muito molho, mas se for preciso, não podem ser muito ralos, uma vez que dificulta o serviço.
  • Monte cada travessa com cuidado, observando a quantidade de cada uma: os pratos muito cheios dificultam o manuseio por parte do convidado.
  • Convém optar por pratos que possam ser preparados em porções individuais como tomates recheados, vol-au-vent¹ ou melão com presunto. Fica mais fácil para o convidado.
  • Evite pratos muito difíceis de serem cortados à mesa. Prefira aqueles que levam a carne já cortada (ou corte-a antes de servir), aves desfiadas e legumes em pedaços pequenos.
  • Providencie várias mesinhas de apoio espalhadas pela sala, para facilitar. É muito difícil comer com o prato ao colo, ou em pé, sem ter onde colocar o copo. Se preferir, espalhe almofadas pelo chão.
¹ Iguaria de origem francesa feita de massa folhada assada e recheada com frango, legumes, carnes, camarão...

À FRANCESA

Esta é uma solução para jantares muito formais. Só sirva à francesa se você tiver empregada e ela for muito familiarizada com jantares de cerimônia ou se tiver um copeiro e siga estas dicas.
  1. O jantar começa a ser servido pela convidada principal, à direita do dono da casa.
  2. Em seguida, são servidas as outras convidadas, terminando pela anfitriã.
  3. Com os homens, servidos depois das mulheres, a ordem é a mesma.
  4. Os pratos são apresentados pelo lado esquerdo, numa altura que os convidados possam se servir.
  5. Todos os pratos são passados duas vezes, exceto a sopa e os queijos.
Dicas
  • Não use toalha estampada com louça colorida, decorada. Nesse caso, a toalha deve ser de cor lisa e vice-versa.
  • Limpe os copos com álcool: eles ficarão transparentes e muito brilhantes.
  • Não ponha palito à mesa, mas tenha-os à mão para o caso de algum convidado pedir.
  • Tenha sempre refrigerantes e água para os convidados que não bebem bebidas alcóolicas.
Na hora de servir

Para quem tem empregada, atenção para alguns detalhes.
  • Os pratos devem sempre ser servidos pelo lado esquerdo e retirados pelo direito.
  • Para retirar os pratos, ela pode usar uma bandeja. Atenção: tirar só dois de cada vez. Em hipótese alguma empilhar na bandeja.
  • Os pratos só começam a ser tirados depois que todos os convidados tiverem terminado.
  • Se sua empregada estiver fazendo o jantar, é melhor você mesma servir. Ela certamente ficará atrapalhada com as duas funções. Nesse caso, ou mesmo se você não tiver empregada, adote a solução mais prática: o bufê.

A arrumação deve começar algumas horas antes do jantar.
  • Veja se a toalha está bem passada. No caso de um jantar informal, você pode usar um jogo americano, se sua mesa for de madeira tratada e não tiver manchas.
  • Um arranjo de flores no centro da mesa valoriza o seu jantar. Elas devem estar em harmonia com todo o conjunto, nas cores e no estilo. Mas atenção: escolha as de caule curto, pois flores muito altas impedem que os convidados se vejam e dê preferência para arranjos que sigam o formato da mesa: redondo, retangular ou quadrado.
  • O prato deve ser colocado a cerca de 2 dedos da beirada da mesa.
  • Os guardanapos podem ficar do lado esquerdo ou em cima do prato vazio.
  • Se o jantar ou almoço começar com sopa, o prato de sopa deverá ser colocado dentro do prato raso e o guardanapo, dobrado, ficará sobre ele. Se não houver sopa, o guardanapo fica sobre o prato raso.
  • Se a entrada for uma salada, o pratinho de salada deverá ser colocado à esquerda do prato raso, ou dentro dele, com o guardanapo em cima.
  • Os copos ficam um pouco acima do prato, do lado direito. Da esquerda para a direita, a ordem é esta: copo de água, um menor para vinho tinto e outro ainda menor para o vinho branco. Se houver champanhe, a taça deverá ficar atrás dos copos, ao centro levemente para a direita.
  • Os talheres são colocados na ordem que são usados, ficando os últimos mais próximos do prato. Facas e colheres são colocadas do lado direito; garfos, do lado esquerdo.
  • A lâmina da faca fica para o lado de dentro, em direção ao prato.
  • Os talheres de sobremesa são arrumados acima do prato. Primeiro a faca, com lâmina para dentro e o cabo para o lado direito. Em seguida, o garfo com o cabo para a esquerda, no sentido inverso. Por último, a colher, também invertida, com o cabo para a direita.
BRUNCH

Moda inventada pelos americanos, é a mistura do café da manhã (breakfast) com o almoço (lunch), daí o nome brunch. É ideal para festas que acontecem pela manhã e ultrapassam o horário do almoço, como primeira-comunhão, batizados, bar mitzvah e por que não uma reunião com os amigos ou uma festa de aniversário? A tendência é ousar! E você pode servir o que tiver vontade, desde que sirva componentes de café da manhã e de almoço, como leite, café, chá, geléias, pães, quiches, pratos quentes, refrigerantes e, inclusive, bebidas com álcool e doces. O sistema é o americano: você arruma tudo num bufê, desde o leite até os doces e deixa cada um se servir à vontade. Se você colocou pratos em réchaud (fogareiro para flambar sobremesas e pratos rápidos), preste atenção ao fogo, para que não fique muito forte a ponto de queimar o alimento, ou então se apague, deixando que os pratos esfriem. A mesa só deverá ser tirada depois que o último convidado tiver ido embora. Boa festa!

COMO CALCULAR A QUANTIDADE

Na hora de comprar os ingredientes para uma festa, sempre surge a dúvida sobre a quantidade.
Para não exagerar na quantidade, ou ter que sair correndo para comprar mais comida, fizemos uma tabela básica, na qual você poderá se basear e fazer seu planejamento de compra.

Produtos in natura                                                 Gramas por pessoa

Peixes  ..................................................................  180
Camarão grande  ...................................................  70 (6 unidades)           
Carnes  ..................................................................  200
Aves  .....................................................................  250 (com osso)
Massa  ...................................................................  80
Arroz  ....................................................................  50
Batata  ...................................................................  100 (sem casca)
Queijo (aperitivo)  ..................................................  250


Dicas tiradas do meu Fichário de Receitas da Tilibra: http://www.tilibra.com.br/
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
VIVENDO E APRENDENDO © Copyright 2012. Desenvolvido por Elaine Gaspareto