Pesquisar este blog

CASA ARRUMADA

Olá amigos, bom poder estar aqui...

Hoje eu li um texto do grande poeta mineiro Carlos Drummond de Andrade (há quem diga que este texto não é dele, se isso for verdade me conta, por favor, quem é o autor) e a cada frase que eu lia levava o meu pensamento até minha casa e de como tenho desfrutado dela nestes últimos anos.

Quando a compramos em 2005, fizemos uma pequena reforma para podermos mudar e levei meses organizando, tentando deixá-la com o nosso jeitinho, meu e do marido.
Confesso que algumas coisas nela não me agradavam como o piso das salas e dos quartos, o quintal inteirinho de ardósia (dava um trabaaaalho cuidar dessa tal ardósia, uma coisa!) e sobretudo minha cozinha, os armários embutidos, principalmente o debaixo da pia era todo mofado pela umidade e quando compramos essa casa a pia era tão alta que batia no meu peito e até falei pro marido: "nossa! no lugar do avental vou ter que usar um capacete porque vai molhar todo o meu rosto!" rs e foi a primeira coisa que fizemos, rebaixar a pia e mesmo assim ficou alta (quando se tem 1m e 56cm de altura não ajuda muito, né gente, rs), sentia muitas dores nas costas, tinha dia que eu até usava um sapato de plataforma pra facilitar, mas acabava que além das dores nas costas ficava também com dores nas pernas, mas tudo isso tornava-se pequeno diante de um sonho realizado: a compra da casa própria!

E fomos vivendo assim até agosto do ano passado quando resolvemos fazer uma grande reforma, inclusive dia 10, daqui uma semana, já vai fazer um ano do início da reforma que foi até meados de fevereiro deste ano. Foi uma luta, inclusive no post de janeiro/11 fiz um grande desabafo por tudo o que estava passando... E hoje quando olho tudo arrumadinho, do jeitinho que queríamos, eu ergo minhas mãos pro céu e agradeço a Deus por mais uma vitória alcançada.

Mas voltando ao texto, eu adoro casa limpa e organizada, mas também adoro receber visitas e as duas coisas juntas nem sempre combinam, não é mesmo? Sempre acontece de alguém derrubar suco ou vinho tinto na sua toalha branca limpinha (já ouviram falar na lei de Murphy, né?), sempre alguém vai derrubar algum alimento no chão e um outro vai pisar, sempre tem alguém que vai usar o banheiro e "batizar" o papel higiênico e adjacências (no caso de nós mulheres isso jamais acontece, rs, é o famoso "El Mirador", rs), sempre tem alguém que vai jogar bituca de cigarro  no seu jardim ou no seu vaso de planta preferido (acho que eles tem alguma esperança de nascer algum pé de cigarro ali, não é possível!), sempre tem alguém que tem a infeliz ideia de jogar um caroço de azeitona ou semente de uva em alguém para provocar e acaba virando uma guerra, sempre tem alguém que vai meter o sapato sujo na sua parede pintadinha... e por aí vai... vai dizer que você nunca passou por isso??? Ou você é daquelas que tranca a casa e não deixa ninguém entrar, nem o seu marido e seus filhos? Éééé... conheço gente assim, que expulsa o marido e os filhos de casa na hora da faxina e depois tranca tudo e só deixa os coitados entrarem pra dormir, assim mesmo com mil recomendações, rsrs.

Eu, quando vou receber visitas em casa procuro deixar tudo limpo e uso sempre a minha melhor toalha de mesa, louças, talheres e meu marido olha e fala: "pra que isso se vai sujar tudo!" Gente, mas o bom anfitrião é esse, que se preocupa muito mais com o bem-estar da sua visita do que com a arrumação da casa e depois costumo dizer sempre: "nada que aquele sabão líquido não resolva!" Não querendo fazer propaganda de graça, mas... aquele que "se sujar faz bem" sabe qual é?

As portas da minha casa estão sempre abertas para visitas, amigos, família e podem sujar a vontade, o importante é que se sintam em casa... mas poderiam, por favor, não colocar o pé com sapato na parede e nem jogar bituca de cigarro no meu jardim? (escrevi pequeno porque eu toh falando baixinho, rs), o resto tá liberado, ok? tá? pode ser? tranquilo?
Dizem que toda brincadeira tem um fundo de verdade, mas toh brincando tá gente, amo meu amigos, minha família e vocês são muito bem vindos sempre!

Caraca, preciso perder essa mania de falar demais, o foco é a mensagem que gostaria de compartilhar com vocês...

Casa Arrumada
Carlos Drummond de Andrade (1902-1987)

Casa arrumada  é assim:
Um lugar organizado, limpo, com espaço livre pra circulação e uma boa entrada de luz.
Mas casa, pra mim, tem que ser casa e não um centro cirúrgico, um cenário de novela.
Tem gente que gasta muito tempo limpando, esterilizando, ajeitando os móveis, afofando as almofadas...
Não, eu prefiro viver numa casa onde eu bato o olho e percebo logo:
Aqui tem vida...
Casa com vida, pra mim, é aquela em que os livros saem das prateleiras e os enfeites brincam de trocar de lugar.
Casa com vida tem fogão gasto pelo uso, pelo abuso das refeições fartas, que chamam todo mundo pra mesa da cozinha.
Sofá sem mancha?
Tapete sem fio puxado?
Mesa sem marca de copo?
Tá na cara que é casa sem festa.
E se o piso não tem arranhão, é porque ali ninguém dança.
Casa com vida, pra mim, tem banheiro com vapor perfumado no meio da tarde.
Tem gaveta de entulho, daquelas que a gente guarda barbante, passaporte e vela de aniversário, tudo junto...
Casa com vida é aquela em que a gente entra e se sente bem-vinda.
A que está sempre pronta pros amigos, filhos...
Netos, pros vizinhos...
E nos quartos, se possível, tem lençóis revirados por gente que brinca ou namora a qualquer hora do dia.
Casa com vida é aquela que a gente arruma pra ficar com a cara da gente.
Arrume a sua casa todos os dias...
Mas arrume de um jeito que lhe sobre tempo pra viver nela...
E reconhecer nela o seu lugar.

"A VIDA é uma pedra de amolar; desgasta-nos ou afia-nos, conforme o metal de que somos feitos."
(George Bernard Shaw) 1856-1950




Bjs, fiquem com Deus!

LASANHA AO MOLHO BRANCO MOCOCA

Olá meus queridos, espero que estejam todos bem! =)

Esta receita faz parte do montante do material que tenho para postar aqui no blog, já faz um tempo que fiz, foi logo quando ganhei o meu kit Mococa, que aliás tem produtos ótimos, recomendo a todos.

Esta lasanha não é daquela receita que fiz logo que me casei e que chamei de "lasanha assassina", rs, saiba da história aqui e aqui também.

É uma receita rápida (ótima para a correria em que me encontro, rs), prática e muito fácil de fazer e ainda com a ajudinha da Mococa não tem erro.

Lasanha ao Molho Branco Mococa
(by Si)


Ingredientes:
  • 1 pacote de 500g de macarrão para lasanha pré-cozido
  • 400g de presunto fatiado
  • 450g de mussarela fatiada
  • 1 tomate sem pele e sem sementes cortado em cubos
  • 1 sachê de caldo de carne em pó
  • 1 caixinha de molho de tomate
  • 1 caixinha de molho branco Mococa
  • queijo parmesão ralado
  • temperos a gosto
Modo de preparo:
- Numa panela coloque uma colher (sopa) de azeite, refogue uma colher (sobremesa) de alho e cebola em conserva, coloque o tomate em cubos, abaixe o fogo e deixe até que murchem mexendo de vez em quando, coloque o molho de tomate, o caldo de carne em pó e acrescente 1 xícara (chá) de água quente, deixe apurar um pouco, verifique o sal, salpique cheiro verde e desligue o fogo.

- Numa forma (ou refratário se preferir), coloque um pouco de molho, a massa da lasanha, molho, fatias de presunto e fatias de mussarela, começe com o molho de novo até terminar com a mussarela, ao final de tudo, use o molho branco Mococa, seguindo as instruções da embalagem e por cima salpique queijo parmesão ralado.

- Cubra a forma com papel alumínio (com o lado brilhoso voltado para baixo) e leve ao forno preaquecido a 180ºC por 15 minutos, retire o papel alumínio e volte ao forno aumentando a temperatura para 200ºC e deixe por mais 15 minutos ou até dourar. Sirva em seguida com arroz branco.

Dicas da Si:
- Eu deixei no forno exatamente por 15 minutos depois que tirei o papel alumínio, mas deixe por mais tempo até dourar, pois achei que a minha lasanha ficou muito branquicela, rs.
- A massa deve estar sempre em contato com o molho para facilitar na hora do cozimento.
- Você pode também preparar este prato com molho a bolonhesa, basta colocar 1/2 kg de carne moída logo depois de refogar o alho e a cebola, dê uma boa refogada na carne e segue a receita. Se preferir, poderá acrescentar pimenta do reino e azeitonas picadas.
- Para tirar a acidez do molho de tomate coloque uma pitada de açúcar sobre o molho e mexa ou coloque uma colher (café) rasa de fermento em pó na própria tampa da embalagem do fermento, acrescente um pouco de água fria, o suficiente para dissolver o fermento e despeja sobre o molho, mexa rapidamente e desligue o fogo (eu prefiro fazer desta forma, fica muito bom).





  
Perdoe-me pelas fotos, mas minha máquina estava com a bateria fraca e para evitar o que aconteceu no dia do Bife à Parmiggiana de Forno, ver em "curiosidade" logo depois das "Dicas da Si", eu bati as fotos com o celular do marido, rs.

ATUALIZADO EM 19/06/13

Da última vez que fiz esta lasanha, fiz algumas alterações que valem a pena conferir:
- Substituí o macarrão pré-cozido pela massa fresca, ficou muito mais gostoso. A massa fresca você encontra facilmente nos supermercados ou, se preferir, prepare-a em casa.
- Ao invés do molho branco comprado pronto usei o molho 4 queijos também comprado pronto, ficou muito saboroso. Para ver a foto desta lasanha que preparei clique AQUI.
Espero que gostem, beijos a todos! =)

SELINHO FOFUXO

Olá gente amiga,
Bom diaaa!!!

Passando para dizer que recebi um selinho muito fofo da querida Luana do blog Só Nós Dois, um cantinho muito aconchegante regado de muito amor, vale a pena conferir.


Obrigada Luana!!! O selinho realmente é muito fofo!!! E para quem o recebe tem umas regrinhas que devem ser seguidas:
  1. Exibir a imagem do selinho em seu blog;
  2. Postar o link do blog que o indicou;
  3. Publicar as regras;
  4. Indicar DEZ blogs;
  5. Avisar os indicados.
Eu ofereço este selinho a todos que me seguem, me visitam, que deixam comentários, enfim, a todos os amigos blogueiros, mas segundo as regras devo indicar 10, então lá vai...


Bjs a todo, fiquem com Deus!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
VIVENDO E APRENDENDO © Copyright 2012. Desenvolvido por Elaine Gaspareto