O que você procura?

AREIAS DE CASCAIS


Olá amigos, bom dia! ❤

Estamos de volta com nossa primeira postagem de 2018, desejosos de que neste ano possamos trazer para vocês muitas receitas deliciosas e de fácil preparação como esta! Sim, apenas com três ingredientes você prepara estas deliciosas bolachinhas com sabor de quero mais!

Mas por que este nome "Areias de Cascais"? Acharam estranho? Pode ser para nós brasileiros, mas não para os nossos amigos-irmãos portugueses, já que esta iguaria vem da culinária portuguesa, mais precisamente de Cascais, uma vila situada na região de Lisboa. Segundo pesquisas, esta receita originou-se em meados do século XIX em Cascais e tornou-se famosa ao longo dos anos pela facilidade na preparação e pelo sabor simples mas que cativa a muitos paladares. 

Eu preparei esta receita na minha panificadora e usei o creme vegetal em substituição à manteiga, já que sou intolerante à lactose. Com essas alterações, corri o sério risco de tudo dar errado, mas a massa ficou perfeita, muito boa de trabalhar com ela e rapidamente moldei as bolachinhas feliz da vida até que...

Depois de assadas e ainda quentes (conforme reza a receita), polvilhei açúcar cristal, mas quem disse que eu conseguia envolver o açúcar nas bolachinhas?? Até então parecia que tudo estava correndo bem, mas como fazer o açúcar ficar paradinho nas bolachinhas? Ele escorregava igual água e as bolachinhas continuavam lisas sem nem mesmo um grãozinho grudado nelas! Alguém pode me explicar a razão disso, por favor? O que será que fiz de errado? Será que foi o creme vegetal? O tipo de açúcar? O tipo de farinha usado ou o modo de preparo? 

Bom, o jeito foi pincelar creme vegetal derretido nas bolachinhas e, aí sim, consegui polvilhar o açúcar. Mas isso não é o correto, né?! Queridos amigos portugueses, experts em fazer "areias", como fazem para o açúcar grudar nas bolachinhas? Help-me, please!
Tirando este contratempo, só posso dizer que me acabei de comer essas "areias" tão saborosas e só tenho que agradecer aos portugueses pela receita tão simples e tão deliciosa! Aplausos! 👏

A receita original se encontra AQUI.

Ingredientes:
  • 250g de manteiga (usei creme vegetal)
  • 150g de açúcar (usei demerara)
  • 400g de farinha de trigo
  • Açúcar para polvilhar (usei açúcar  cristal)
Modo de preparo:
Na panificadora:
  1. Coloque todos os ingredientes na ordem acima na cuba da máquina e programe para a função "massa" (opção 8 na minha máquina). Quando ela parar de bater (o visor mostrará 1:10), desligue a máquina, retire a massa da cuba e modele as bolachinhas.
  2. Disponha as bolachinhas umas separadas das outras numa forma untada e enfarinhada e leve ao forno preaquecido à 180°C por 12 a 15 minutos ou até dourar levemente.
  3. Retire as bolachinhas do forno e com elas ainda quentes, polvilhe açúcar, deixe esfriar e sirva.
Manual:
  1. Bata a manteiga com o açúcar até ficar um creme esbranquiçado.
  2. Junte a farinha de trigo e amasse até que forme uma bola e a massa desgrude das mãos.
  3. Molde a massa em bolas pequenas e coloque-as num tabuleiro untado e enfarinhado.
  4. Siga os passos a partir do item 2 acima.
Dicas da Si:
  1. Se você manusear a massa demais a manteiga vai derreter e pode ser que você perca o ponto da massa, caso isso aconteça, envolva a massa em plástico filme, coloque num recipiente e leve à geladeira por meia hora, assim facilitará na hora de moldar as bolachinhas.
  2. Ao invés de fazer várias bolinhas, divida a massa em  três partes iguais, enrole cada parte como se fosse enrolar massa de nhoque e corte os rolinhos no tamanho de 2 a 3 cm, mais ou menos, dependendo do tamanho que você quer as bolachinhas e então molde as bolinhas, assim fica muito mais rápido e fácil.
  3. Ao tirar as bolachinhas do forno, elas parecerão moles, mas irão ficar firmes depois de um tempo, por isso não deixe tempo demais no forno, pois podem ficar muito duras. O ponto ideal é quando estão levemente douradas no fundo mesmo que a parte de cima ainda esteja clarinha, é assim mesmo! Por isso verifique o fundo das bolachinhas, se estiver dourado já pode desligar o forno.
  4. Eu usei açúcar cristal para polvilhar, mas você pode usar o açúcar refinado se preferir. Se misturar com canela fica ainda mais saboroso.
  5. Você pode dar mais sabor ainda às suas bolachinhas acrescentando à massa raspas de limão, essência de baunilha ou canela.
  6. Esta receita me renderam 36 bolachinhas, mas a quantidade vai de acordo com o tamanho que foram moldadas.
  7. Conserve-as em potes bem fechados. Elas duram por vários dias.




Esta receita preparei especialmente para a 57ª Edição do Dia Um... Na Cozinha, cuja proposta para este mês de fevereiro foi prepararmos "Pratos Tradicionais Portugueses". Adorei a experiência! Vivendo e Aprendendo sempre! 😉


Beijos e até a próxima!



11 comentários:

  1. Sileni, que bom te ver reiniciando por aqui e trazendo um doce de Portugal... parece uma delícia! Deu água na boca! Valeu! beijos, lindo fevereiro! chica

    ResponderExcluir
  2. Ola, querida amiga Sileni!
    Muito bom aspecto e tenho receitas assim passadas no acucar cristal que me encantam fazer...
    Doces portugueses sao tudo de bom e bem deliciosos ...
    Seja muito feliz e abencoada!
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir
  3. Oi minha querida Sileni

    Nossa, que delicia que ficaram essas suas areias de cascais... imagine vc que eu sou portuguesa, vou algumas vezes a Lisboa e nunca comi uma areia de cascais... ficaram com um aspeto mesmo gostoso, para acompanhar um chazinho da tarde!!!

    Beijo grande

    ResponderExcluir
  4. Huumm...acompanhando um cafézinho fresquinho estas bolachas fazem parceria perfeita.Delícias irresistíveis, Sileni.
    Cá estamos nós reiniciando mais um ano fantástico. Viva a nossa blogosfera!!

    Bom fevereiro pra ti.
    Bjka,
    Calu

    ResponderExcluir
  5. Huuum
    que delícia Sileni!
    Vou anotar e acho q farei com o Arthur no feriado do Carnaval


    Bjooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Olá, minha querida!
    Seja bem vinda com suas delícias!
    Com apenas três ingredientes você fez essas maravilhas, ficaram
    fofinhos e não leva fermento, amei o resultado!
    As fotos estão lindas!

    Abençoado Fevereiro e tudo de bom pra você!
    Beijos no seu ♥

    ResponderExcluir
  7. ficaram tao bonitas adoro este tipo de bolinhos bjs

    ResponderExcluir
  8. Voltou com uma tentação neste bolinhos que dá vontade de degustar um monte.
    Curioso que leva poucos ingredientes.
    Voce sempre inovando e compartilhando.
    Que tenha dias mais leves para poder estar sempre por aqui com suas delicias.
    Meu abraço e que tudo esteja bem com suas intolerâncias.
    Bjs de paz.

    ResponderExcluir
  9. Adoro essas bolachinhas. ;)
    Ficaram lindas e muito apetitosas.
    Bjs
    Margarida

    ResponderExcluir
  10. Amiga essas bolachinhas ficaram com aspecto delicioso, impossível resistir, farei com certeza, anotei, bjs.

    ResponderExcluir
  11. Olá Silene, menina bom te ver retornando com força total, inda maius com essas delícias que me deixou salivando!

    Bons feriados.

    Bjss!

    ResponderExcluir

Sejam todos muito bem-vindos!!!
Obrigada pela sua visita e volte sempre! ♥

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
VIVENDO E APRENDENDO © Copyright 2012. Desenvolvido por Elaine Gaspareto